«

»

ago 08

Solenóides

Funcionamento da válvula solenóide

A válvula solenóide possui um bobina que é formada por um fio enrolado através de um cilindro. Quando uma corrente elétrica passa por este fio, ela gera uma força no centro da bobina solenóide, fazendo com que o êmbolo da válvula seja acionado, criando assim o sistema de abertura e fechamento , Este, por sua vez, possui um dispositivo que permite a passagem de um fluído ou não, quando sua haste é acionada pela força da bobina. Esta força é que faz o pino ser puxado para o centro da bobina, permitindo a passagem do fluído.

 

O processo de fechamento da válvula solenóide ocorre quando a bobina perde energia, pois o pino em forma de agulha ou esfera junto com seus vedadores , exerce uma força através de seu peso e da mola que tem instalada.

 

Ou seja   o modulo de controle eletrônico libera a tensão  de sinal fazendo com que a solenóide seja acionada liberando fluido para acionar a

as trocas das marchas , regulagem de pressão  e acionamento da embreagem do conversor de torque :

 

os solenoides utilizados nas transmissões automáticas são basicamente identificadas por 2 modelos

 

Tipo 1 on/off  – De um modo geral são basicamente utilizados no controle de pressão e acionamento da embreagem do conversor de torque

 

Tipo 2  PWM - (pulso por modulação) São utilizados trocas de marcha , podemos citar  transmissões que não obedecem essa regra ,

Veja as figuras a baixo dos 2 tipos citados  :

 Tipo 1
 Tipo 2

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>